Como montar uma sexshop online

 

sexshop dicas de como montar sua loja de sex shop!

Com a facilidade que a internet trouxe as nossas vidas, não é surpreendente que novos empreendedores estejam apostando nessa ferramenta para apresentar e divulgar os seus produtos e serviços ao público, e cada vez mais substituindo as lojas convencionais por lojas online.

Iniciar um negócio online demanda menos tempo e dinheiro do que um negócio físico, além disso, a internet consegue abranger uma area maior de possíveis compradores, conseguir potenciais investidores e parceiros, tornando a publicidade do produto bem mais efetiva do que os meios tradicionais, como panfletos (flyers) ou cartões de visita. 

Entre os vários tipos de negócios online que têm surgido, um em específico tem ganhado bastante espaço e popularidade nos últimos anos: o ramo de sex shops. O mercado de produtos eróticos vem crescendo muito nos últimos tempos e se tornando uma boa opção para quem deseja montar sua própria empresa online.   

 

Sex Shop como empreendimento

 

O ramo de sex shop é muito promissor na internet por reunir duas principais características: sigilo e praticidade. Hoje em dia, a procura dos casais por produtos eróticos está maior e a pivacidade que as lojas online oferecem, além da facilidade da compra, é o que torna esse ramo cada vez atrativo para os corajosos que desejam investir nesse tipo de comércio.

Porém, mais do que benefícios, a facilidade e descrição da internet também trazem o crescimento constante de novos concorrentes. Mesmo com o significativo lucro que o setor concede, o número de lojas virtuais tem aumentado assim como a concorrência.

Segundo a Associação Brasileira das Empresas do Mercado Erótico e Sensual (Abeme), desde 2014, o mercado erótico vem arrecadando mais de R$ 80 milhões por mês, e atualmente emprega 85 mil profissionais autônomos, sua maioria microempresas onlines.

Ainda sim, embora haja uma forte concorrência, a venda de produtos eróticos é um investimento muito lucrativo para quem pretende abrir um negócio, cheio de novidades e um público fiel e que não para de crescer.

 

Como montar uma loja sexy shop online

 

Inovação e a qualidade são as palavras-chave para o sucesso de qualquer sex shop online. É preciso estar sempre por dentro das novidades que aparecem no mercado para levá-las aos seus clientes.

Um estoque variado e preços acessíveis são, sem dúvida, os fatores que os compradores mais leva em consideração ao escolher uma loja online. Outro ponto importante para que o negócio dê certo é dispor de boas distribuidoras.

Logo, se você quer se aventurar e investir no comércio erótico, veja abaixo algumas dicas de como montar sua loja online

 

1 - sexy shop Opte por um layout atrativo 

Layout é o visual do site. Caprichar na aparência da página da loja online é um grande diferencial e o que, muitas vezes, incentiva o cliente a continuar explorando a loja e seus produtos.

Não precisa ser nada exagerado, pois muita informação na página pode ser incomodo, opte sempre por imagens e textos atrativos, que estimulem o comprador a aproveitar tudo o que a loja tem à oferecer.

 

2 - Mantenha sempre o sigilo do cliente

A maioria dos casais que procuram as sex shops virtuais querem exatamente a discrição que as lojas físicas não tem. Então, mantenha sempre os dados dos clientes em completo sigilo, garanta a proteção durante a compra e não peça mais informações do que o necessário.

Ao enviar os produtos pedidos, escolha sempre pacotes discretos e que não revelem o conteúdo.

 

3 - Tenha um catálogo variado e descritivo

Como dito acima, inovação é o caminho para o sucesso. Contar com um catálogo variado, com diferentes produtos para diferentes fantasias, é essencial para o crescimento da loja e para estimular novos compradores.

Outro ponto importante é descrever bem todos os produtos. Desde informações técnicas ao modo de usar. Dar o máximo de informações para o cliente, além de respondar as dúvidas que possam surgir.

 

4 - Trabalhe com diversos tipos de pagamento

Trabalhar com várias formas de pagamento é imprescindível para a loja, pois alguns clientes deixam de comprar por não ter determinada bandeira de carão de crédito e não conseguir uma outra maneira de efetuar o pagamento.

O ideal é trabalhar com as principais bandeiras de cartão de crédito e débito, e também com o sistema de pagamento por boleto.

 

5 - Qualidade à cima de tudo

Trabalhe apenas com produtos registrados no Ministério da Saúde e na Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), principalmente, no que diz respeito à cosméticos e produtos comestíveis, que podem acarretar problemas de saúde.